As 25 cidades europeias mais baratas para visitar em 2023

0
Tempo de leitura: 23 minutos

O turismo é diferente para cada pessoa: alguns ficavam em hotéis de luxo e relaxe com um pé largo, e outros gostam de opções econômicas e procuram as cidades europeias mais baratas. Se você quer ver o máximo de cidades emocionantes sem gastar muito dinheiro, este guia será ótimo para você! Reuni para você as 25 melhores cidades da Europa, que podem ser visitadas por um preço acessível.

Quais são as cidades europeias mais baratas?

Os problemas econômicos em muitos países europeus os tornam uma escolha ideal para turistas de todo o mundo. Melhores cidades para férias econômicas:

1. Sófia, Bulgária

sofia bulgária - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Sófia

Explore Sofia holidays and discover the best time and places to visit and is one of the cheapest European cities to visit. Bulgaria’s pleasingly laid-back capital is often overlooked by visitors heading to the coast and is the cheapest European city to visit today.

Bulgaria’s beautiful capital Sofia is located at the foot of the Vitosja mountain massif. The mountain has also given its name to the most prominent street with rows of swanky shops and a leafy park at one end. At Vitosja you go skiing in the winter and go in the forest in the summer. You get up with a funicular or chairlift.

The city is distinguished by its architectural mix of modern and historic buildings. Older landmarks include The Bojana Church, Alexander Nevsky Cathedral and the early Byzantine St. Sofia Church. More modern architecture can be seen at the Bulgarian National Opera, Ivan Vazov’s National Theatre, Rakovski Street Theatre District and Natsionalen dvorets na kulturata (NDK), south-east Europe’s largest cultural congress center.

Moeda: Leão ($1 = 1,75 lev)

Melhor Albergue Barato: Albergue Mostel 11,45 leva/noite

Transporte: 2 níveis

Comida: 16,8 levs

Bebidas/entretenimento: 7,5 levs

Atrações: 6 níveis

Despesas mínimas por dia: 44 leva ($24)

2. Cracóvia, Polônia

cracóvia - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Cracóvia

Cracóvia é a segunda maior e uma das cidades mais antigas da Polônia e também é barata para visitar. Situada às margens do rio Vístula, na região da Pequena Polônia, a cidade remonta ao século VII. Cracóvia tem sido tradicionalmente um dos principais centros da vida acadêmica, cultural e artística polonesa e é um dos centros econômicos mais importantes da Polônia. De fato, foi a capital da Polônia de 1038 a 1569 e é uma das cidades europeias mais baratas para se visitar.

It’s not that the city is full of historical world attractions or incomparable art museums. It’s the city itself that’s the thing. As the firestorms and waves of violence washed across Europe over the centuries, Krakow has managed to duck the worst. So there is still a beautiful, medieval city center that you are more than happy to get lost in.

To this is to add the usual gritty cracked charm that Eastern European cities share with, for example, Cuba. This is that so much has fallen into disrepair but still stands. Sure, it’s romanticizing. Of course, it’s not fun for the people who live in the houses. But what a mood it will be anyway. As in the old Jewish quarter of Kazimierz where weathered facades now hide art galleries, restaurants and cafes.

Moeda: zloty ($1 = 4 zloty)

Melhor Albergue Barato: Albergue One World 34,15 zloti/noite

Transporte: 5,6 zlotys

Comida: 24 zlotys

Bebidas/entretenimento: 24 zlotys

Atrações: 16 zlotys

Despesas mínimas do dia: 100 zlotys ($25)

3. Bucareste, Romênia

Bucareste - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Bucareste

The world’s biggest parliamentary building (and one of the largest buildings of any kind) happens to be in Bucharest. Whether one views the gargantuan Palace of Parliament as a folly and testament to the megalomania of former dictator Nicolae Ceaușescu or a display of Romanian materials and engineering skill (arguably both), it’s a must-visit.

Bucharest is also commonly referred to as “New Berlin” and “Little Paris”, but only nicknames fit a first glance at Bucharest. This is a fascinating city of contrasts with its own, unique, heart and atmosphere and is one of the cheapest European cities to visit.

Você pode se encantar completamente se souber onde procurar. Muitos dos pontos turísticos não estão incluídos nos guias turísticos tradicionais para Bucareste ou Romênia, mas são surpresas escondidas que os locais compartilham alegremente - se você perguntar.

You might stumble into a passage way and find yourself gazing up at a sky of colorful rainbow umbrellas. Or you can unexpectedly step into the most beautiful bookstore you’ve ever seen. Or maybe you’ll see the whole town dancing with joy on the street on a Saturday night.

With so many communist quarters, Bucharest can seem dull and grey compared to other European cities. But it is also a big part of Bucharest’s charm. You’ll find beauty in the most unexpected places. Behind these bland facades is a world of colours, lovely green parks, creative cafés and elegant buildings.

Moeda: lei ($1 = 4,35 lei)

Melhor Albergue Barato: X Hostel Bucareste – 31.12 lei/night

Transporte: 5 leus

Comida: 45,6 leus

Bebidas/entretenimento: 15 leus

Atrações: 12 leus

Despesas mínimas por dia: 110 leus ($26)

4. Belgrado, Sérvia

belgrado - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Belgrado

Belgrade (‘White City’) is by no means a ‘pretty’ capital, but its gritty exuberance makes it one of Europe’s most happening cities and one of the cheapest European cities.

Belgrade is still an undiscovered weekend city for many. The city is often referred to as the “new Berlin”, but the wave of tourism that has washed over Prague and Budapest in recent years has so far not reached Belgrade.

Belgrado ainda é extremamente barato. O nível de preços não pode ser comparado. Você pode ter um jantar de três pratos com uma bebida com uma bebida barata.

Outra vantagem que fala com carinho é a segurança e o silêncio quando você faz suas caminhadas noturnas pelo centro da cidade.

It’s not a mess. The nightclubs are down by the water so they do not disturb anyone in town and it is not a fill as it can be a Friday or Saturday night elsewhere in Europe. People drink in moderation, socialize and have a good time. You don’t have to see those gaping gangs walking along the streets.

Moeda: dinar e euro

Melhor Albergue Barato: Downtown Hostel Belgrado – 6 euros/night

Transporte: 1,5€

Comida: 9,6 euros

Bebidas/entretenimento: 4,5 euros

Atrações: 3 euros

Despesas mínimas do dia: 25 euros ($26)

5. Budapeste, Hungria

budapeste - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Budapeste

A capital da Hungria, Budapeste, é composta por 3 cidades unificadas, com Buda e Óbuda na margem oeste do Danúbio e Pest na margem leste. Grande parte da cidade recebeu o status de Patrimônio Mundial da UNESCO, e muitos visitantes consideram a cidade uma das cidades mais bonitas da Europa.

Since the iron curtain went up in 1989 and Hungary’s entry into the EU in 2004, Western culture has slowly crept into Budapest. But history is by no means forgotten. The giant bronze statues of Lenin, Marx and Engels that previously guarded Budapest around the city are now gathered in the Memento Park, a 15-minute bus ride from the city. The Museum of Terror, which houses the former building of the security police in Pest, is also a historical memory from both the Communist and Nazi era.

Mas voltando ao presente e à cidade que quer muito e tem muito para oferecer e é uma das cidades europeias mais baratas para visitar. Talvez por isso a mulher do posto de turismo tenha dificuldade em responder o que não deve faltar.

Moeda: Forint ($1 = 310 forint)

Melhor Albergue Barato: Albergue Treestyle – 1547 Forints/Night

Transporte: 700 forints

Comida: 3120 forints

Bebidas/entretenimento: 1050 forints

Atrações: 1500 forints

Despesas mínimas por dia: 7.900 forints ($27)

6. Sarajevo, Bósnia e Herzegovina

Sarajevo - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Sarajevo

Sarajevo, capital e centro cultural da Bósnia e Herzegovina. Encontra-se no vale estreito do rio Miljacka, no sopé do Monte Trebević. A cidade mantém um caráter muçulmano robusto, com muitas mesquitas, casas de madeira com interiores ornamentados e um antigo mercado turco e é uma das cidades europeias mais baratas para se visitar.

Sarajevo coloca sua existência em risco e pergunta quem você é. Em Sarajevo, você está perto de risos e lágrimas todos os dias. As pessoas de lá têm um senso de humor muito desenvolvido que os ajudou a suportar e sobreviver a toda a miséria da época do cerco.

Mas, além de todas as piadas e da visão paródica (na qual o povo de Sarajevo é bom), os eventos de cerco, tragédia e matança são encontrados. Mais de 11.000 pessoas morreram aqui com menos de 3,5 anos, incluindo 1.600 crianças. Em média, 390 granadas foram lançadas todos os dias durante 3,5 anos! Contar até 390 em 3,5 anos te deixaria louco, ouvir tantas explosões todos os dias e toda a tragédia que elas trazem consigo é incompreensível para a maioria das pessoas. Também era incompreensível para o povo de Sarajevo, mas eles tiveram que lidar com isso.

Moeda: marco conversível, euro

Melhor Albergue Barato: Albergue Ljubicica – 5.84 euros/night

Transporte: 3,6 euros

Comida: 9,6 euros

Bebidas/entretenimento: 3,75 euros

Atrações: 4 euros

Despesas mínimas por dia: 27 euros ($29)

7. Kyiv, Ucrânia

kiev - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Kyiv

Kyiv, na Ucrânia, é uma cidade à beira de algo mágico. Atormentada por sua história recente e até mesmo por seus eventos atuais na parte oriental da Ucrânia, Kyiv está passando por sua adolescência e os resultados são nada menos que inspiradores. Quer você goste de história religiosa, bairros modernos ou arquitetura brutal, Kyiv irá surpreendê-lo e deixá-lo ansioso para reservar uma viagem de volta para testemunhar os mais novos desenvolvimentos da capital ucraniana.

Em Kyiv, há compras, atrações, restaurantes e vida noturna, ao mesmo tempo em que se enche aquela sensação eufórica de estar no exterior e é uma das cidades europeias mais baratas para se visitar. Pois Kyiv parece exótico. Aqui há um sentimento concreto que nos lembra de uma antiga União Soviética, enquanto a cidade parece parte da moderna Europa Ocidental. Os pequenos obstáculos que às vezes surgem do desvio da linguagem pagam duas vezes quando você finalmente se entende na loja ou no restaurante. Nem todo mundo é bom em inglês, mas todos são receptivos.

Moeda: hryvnia (1$ = 27 hryvnia)

Melhor Albergue Barato: elementos do albergue – 191 hryvnia/night

Transporte: 8 hryvnia

Comida: 354 hryvnias

Bebidas/entretenimento: 180 hryvnias

Atrações: 15 hryvnias

Despesas mínimas por dia: 750 hryvnia ($29)

8. Cheski Krumlov, República Tcheca

krumlov - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Cheski Krumlov

Český Krumlov, no extremo sul da Boêmia, é uma das cidades mais pitorescas da Europa. É um pouco como Praga em miniatura - um Patrimônio Mundial da Unesco com um impressionante castelo acima do rio Vltava, uma praça da cidade velha, arquitetura renascentista e barroca e hordas de turistas circulando pelas ruas - mas tudo em menor escala; você pode caminhar de um lado a outro da cidade em 20 minutos.

When you go through the gate of the Cesky Krumlov in the Czech Republic, you have to pinch yourself in the arm. Is this really real? Isn’t it perhaps the case that you stepped into a painting and ended up in a fairytale world? It could be a village in a fantasy movie or a Disney story. But no, it really looks like this. This is real and is also one of the cheapest European cities to visit.

The Czech city of Cesky Krumlov is located in the country’s south and is a UNESCO World Heritage Site. The city center has more than 300 protected buildings and a castle that is the second largest in the Czech Republic, after Prague Castle. The Vltava River encircles the inner part of the city and here people arrive on rubber boats and canoes.

Český Krumlov is full of cozy alleys and it is really hard not to shoot in every corner. There are lots of restaurants, cafes and small shops selling clothes and handicrafts. Feel free to check out Peter’s short film for a little more feeling.

Moeda: Coroa ($1 = 24 coroas)

Melhor Albergue Barato: albergue de viagem – 247 kronor/night

Transporte: 48 coroas

Comida: 288 coroas

Bebidas/entretenimento: 90 coroas suecas

Atrações: 100 coroas

Despesas mínimas por dia: 750 coroas suecas ($30)

9. Varsóvia, Polônia

Varsóvia - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Varsóvia

Varsóvia é uma cidade com uma história muito tumultuada. Uma vez chamada de “Paris do Oriente”, esta foi uma das cidades mais bonitas da Europa até ser arrasada na Segunda Guerra Mundial. Ao longo das últimas décadas, Varsóvia se reconstruiu, ressurgindo das cinzas e emergindo novamente como uma das grandes cidades da Europa.

Warsaw is one of Europe’s most talked about big cities among weekend travelers with a track record and is one of the cheapest European cities to visit. The city has long been overshadowed by its crowd-pleasing younger siblings Gdansk and Krakow.

Now is the time for the Capital of Poland in the spotlight. A creative city where history often makes itself felt, greatly contrasting to the innovative (and also very affordable) restaurant offering and the young inhabitants’ art installations.

Varsóvia é uma cidade da qual você sai com a sensação de que vai voltar. Porque mesmo que a cidade seja perfeita para um fim de semana, um fim de semana não é longo o suficiente para descobrir tudo o que Varsóvia tem a oferecer.

Moeda: zloty ($1 = 4 zloty)

Melhor Albergue Barato: Albergue Chillout – 38.06 zloty/night

Transporte: 6,8 zlotys

Comida: 39,6 zloti

Bebidas/entretenimento: 24 zlotys

Atrações: 23 zlotys

Despesas mínimas do dia: 130 zlotys ($32)

10. Zagreb, Croácia

zagreb - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Zagreb

Zagreb is made for strolling. Wander through the Upper Town’s red-roof and cobblestone glory, peppered with church spires. Crane, your neck to see the domes and ornate upper-floor frippery of the Lower Town’s mash-up of secessionist, neo-baroque and art deco buildings. Search out the grittier pockets of town where local street artists have transformed ugly-bland concrete walls into colorful murals. This city rewards those on foot and is one of the cheapest European cities to visit.

Zagreb is best experienced outdoors, in one of the café bars in the promenades Bogovićeva and Tkalčićeva. There, the tables have been placed so close to each other that one does not know where one hook begins and the other ends. Saturdays are in Zagreb by tradition dedicated to the café bars’ sacred carpentry, as the capital’s residents start the day with a cup of coffee – and continue over the course of the hours to replace the Javan with stronger drinks.

Feel free to sit down and speak and remember that the Zagreb people’s soul is proud. Other than the nearly one million inhabitants who live in Croatia’s capital, Zagreb’s population is somewhat snooty. That’s it. Although the city has gained a significant rank since the last days of the war, it was a cultural, political and scientific hub already in the Middle Ages and beyond, so perhaps the charming snobbery goes to excuse.

Zagreb’s inhabitants are considered a bit snooty by other Croats, after all, the city was a cultural, political and scientific hub already in the Middle Ages and beyond, so perhaps the charming snobbery goes to excuse.

Moeda: kuna ($1 = 7 kunas)

Melhor Albergue Barato: Albergue Temza – 60.8 kunas/night

Transporte: 20 kunas

Comida: 84 kunas

Bebidas/entretenimento: 36 kunas

Atrações: 30 kunas

Despesas mínimas por dia: 230 kunas ($33)

11. Riga, Letônia

Riga - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Riga

Home to Europe’s biggest food market, its oldest zoo and its finest collection of art nouveau buildings, Riga is a city of little-known superlatives. Its compact center is a designated UNESCO World Heritage Site packed full of architectural treasures. There’s plenty to explore on both sides of the river Daugava, including top-notch restaurants and buzzy creative quarters. Here are seven reasons to put this Baltic beauty on your bucket list.

Riga é uma jóia encantadora com tudo o que você poderia desejar; compras acessíveis, boa comida, belas ruas e becos de paralelepípedos, cafés ao ar livre e cafés aconchegantes e é uma das cidades europeias mais baratas para se visitar. A Cidade Velha está repleta de arquitetura encantadora e segredos emocionantes. Riga às vezes é chamada de pequena Paris e é entre nós uma verdadeira favorita.

One of our tips is to take the train to Jurmala, Latvia’s premier health and beach resort during the summer. There are miles of wide and shallow sandy beaches. Jurmala town has beautiful houses, lush gardens, restaurants and shops.

Riga’s old town is uniquely preserved with rich medieval architecture that bears witness to the city’s rich historical heritage. The city has a strong character and offers a maze of alleys, pinnacles and towers. Walk-friendly is just the first name, pack your walking shoes and soak up Riga’s atmosphere.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: Albergue Central Riga – 8 euros/night

Transporte: 2,3 euros

Comida: 12€

Bebidas/entretenimento: 6 euros

Atrações: 3 euros

Despesas mínimas do dia: 31 euros ($33)

12. Bratislava, Eslováquia

Bratislava - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Bratislava

Bratislava, com seu centro histórico compacto, ruas charmosas e cultura de cafés ao ar livre, é um lugar maravilhoso para se visitar. Esta cidade pode não ser tão popular quanto outras cidades da Europa Central, como Viena ou Praga, mas não se deixe enganar. Bratislava é subestimada como um destino europeu.

Bratislava is one of Europe’s most charming and genuine capitals and is one of the cheapest European cities to visit. The city has been an essential part of several eras and is full of historic buildings, many of which were already built in the Middle Ages. Bratislava is a dream for all history and culture lovers, but also for the budget traveler and connoisseur thanks to a rich history, low prices and many good local beers, wines and spirits.

Bratislava is quite small in area and it is easy to get around between different sights. If you get tired of sightseeing, choose a nice café or a pivotal and enjoy a pastry or a cold beer. Thanks to the city’s young population, there is always life and movement in Bratislava.

Se você quiser se mimar um pouco mais, Bratislava é uma ótima opção. Aqui você ganha muito dinheiro e encontra um hotel de luxo com cinco estrelas por menos de mil.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: A Wild Elephant’s Hostel – 8 euros/night

Transporte: 1,4 euros

Comida: 12€

Bebidas/entretenimento: 6 euros

Atrações: 4 euros

Despesas mínimas do dia: 31 euros ($33)

13. Vilnius, Lituânia

vilnius - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Vilnius

A capital compacta e descolada da Lituânia é uma das forças motrizes por trás da crescente indústria do turismo do país. Ostentando a maior cidade medieval da Europa Central e Oriental e é uma das cidades europeias mais baratas para se visitar, Vilnius é cada vez mais famosa por seu aconchegante senso de história, fascinante herança arquitetônica e movimentada cultura de café.

There is much to see and do in Vilnius. You can use an app called “Like a Local”, where you get many great tips. But otherwise, you just have to walk the street up and down, so you see many nice churches, squares, cozy streets and even an utterly own republic Uzupio, where according to rumors you can even get a stamp on the passport. Also, visit the KGB museum which is very poignant and exciting. Admission is only 2 Euro. It is very much to read and many rooms to visit, so be sure to have time.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: Albergue no centro da floresta – 8 euros/night

Transporte: 2 euros

Comida: 13,2 euros

Bebidas/entretenimento: 6 euros

Atrações: 3 euros

Despesas mínimas do dia: 32 euros ($34)

14. Istambul, Turquia

istambul - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Istambul

Istambul é uma das grandes cidades do mundo e uma das cidades europeias mais baratas para se visitar. Existem tantas razões maravilhosas pelas quais você deve visitar esta cidade. Istambul é antiga, datada de milhares de anos, e com isso, há muitos lugares históricos para se visitar. Istambul é linda, com sua variedade de mesquitas e seus azulejos coloridos e arquitetura dramática. Istambul é charmosa; tantas pessoas acolhedoras e amigáveis aqui. E, finalmente, Istambul abriga a Hagia Sophia, uma impressionante façanha arquitetônica e uma das Maravilhas do Mundo.

In the new part of Istanbul, the more trendy, there is good shopping, hip malls and modern restaurants. In the old part of the city, there are World Heritage culture and charming bazaars. Most historical sights are located here, including the Hagia Sofia with its famous dome, the Blue Mosque with its six minarets and one of the world’s most fast-paced markets, the Grand Bazaar. In the old part of Istanbul, you can easily get around on foot, alternatively by the cheap tram. Istanbul is a mecca of experiences, here you can get pampered in a Hamam, one of the steaming Turkish bathhouses, go on a boat trip across the Bosphorus or watch the oriental show. Istanbul has something for all senses and tastes.

Moeda: lira ($1 = 7 liras)

Melhor Albergue Barato: Albergue Istiklal 25,25 liras/noite

Transporte: 8 liras

Comida: 31,2 liras

Bebidas/entretenimento: 24 liras

Atrações: 30 liras

Despesas mínimas por dia: $120 ($35)

15. Praga, República Tcheca

praga - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Praga

Praga, Czech Praha, cidade, capital da República Checa. Situada no coração da Europa, é uma das melhores cidades do continente e o principal centro econômico e cultural tcheco. A cidade tem um rico patrimônio arquitetônico que reflete tanto as correntes incertas da história na Boêmia quanto uma vida urbana que remonta a mais de 1.000 anos e é uma das cidades europeias mais baratas para se visitar.

O rio Vltava flui precariamente sob pontes antigas, a cidade velha atrai com becos e segredos seculares, e o poderoso Castelo de Praga surge no alto. Legal como uma pintura.

Mas a cidade tem mais a seu favor do que apenas o visual. Ainda é barato visitar, os hotéis são acessíveis e os restaurantes servem comida bem confeccionada e boa a preços razoáveis. Aqui você pode ler mais sobre restaurantes em Praga.

Let’s not forget the beer! Not only is the range of locally brewed beers large – and they taste fantastic – a beaker doesn’t cost many ten.

Uma das atrações mais reservadas em Praga é o cruzeiro com jantar no Vltava. Existem vários organizadores diferentes. Um pouco mais caro do que outros, mas também tem clientes mais satisfeitos.

There’s a perfect guided beer tour if you want to learn all about beer and find your way to Prague’s best pubs and microbreweries.

Você prefere que a cidade seja explicada em sueco? Depois, há este passeio de ônibus com um guia de áudio sueco. Outra experiência emocionante, como muitas opções, é fazer uma viagem de um dia ao Campo de Concentração Theresienstadt.

Moeda: Coroa ($1 = 24 coroas)

Melhor Albergue Barato: Pousada Tcheca – 248 kronor/night

Transporte: 48 coroas

Comida: 372 coroas

Bebidas/entretenimento: 105 coroas suecas

Atrações: 250 coroas

Despesas mínimas por dia: 1000 coroas suecas ($40)

16. Split, Croácia

split - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Split

Split, a segunda maior cidade da Croácia, combina vida moderna e história antiga. Com ruínas que remontam ao Império Romano, uma orla movimentada e frutos do mar frescos servidos diariamente em muitos dos restaurantes da cidade, Split merece uma visita em um passeio pela Croácia.

Split is Croatia’s second-largest city and is one of the cheapest European cities to visit and it is located on the Dalmatian coast, also known as the Croatian Riviera. Here you can go on a charter holiday, but it is also a popular weekend destination.

A primeira coisa a fazer em Split é calçar sapatos confortáveis e explorar as pequenas ruas atrás do passeio marítimo. Aqui você pode caminhar por horas, como um belo labirinto. Parte desta área é o palácio de quase 2.000 anos do imperador romano Diocleciano.

It is Split’s most visited attraction, but also home to more than 3000 people. The palace is built of white marble and limestone, most of it coming from the island of Brac outside Split. The same stone was also used to make the White House in Washington, D.C. Inside the palace you can see, among other things, two Egyptian sphinxes and St. Duje’s Cathedral, the oldest in the world, built in 305 AD.

Moeda: kuna ($1 = 7 kunas)

Melhor Albergue Barato: Albergue dividido – 93 coons/night

Transporte: 18 kunas

Comida: 100,8 kunas

Bebidas/entretenimento: 42 kunas

Atrações: 40 kunas

Despesas mínimas por dia: 300 kunas ($42)

17. São Petersburgo, Rússia

peterburg - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em St: Peterburg

São Petersburgo, Rússia Sankt-Peterburg, anteriormente (1914–24) Petrogrado e (1924–91) Leningrado, cidade e porto, extremo noroeste da Rússia. Um importante centro histórico e cultural e um importante porto, São Petersburgo fica a cerca de 400 milhas (640 km) a noroeste de Moscou e apenas cerca de 7° ao sul do Círculo Polar Ártico. É a segunda maior cidade da Rússia e uma das maiores cidades do mundo. São Petersburgo desempenhou um papel vital na história da Rússia desde a sua fundação em 1703 e é uma das cidades europeias mais baratas para se visitar.

St. Petersburg celebrated its 300th anniversary in 2003 and many of the historic buildings were renovated in connection with the great festival. In the center of town, the sights are close by and it is easy to take advantage of the city’s highlights on foot. The streets cross rivers and canals – walking around town is an experience in itself.

Uma das principais atrações absolutas de São Petersburgo e um sonho molhado para todos os amantes da arte. No vasto museu há mais de três milhões de obras de arte diferentes em um ótimo ambiente – aqui viviam as famílias czaristas no antigo Império Russo. O endereço é Dvortsovaja plosjitjad 2.

The term “white nights” refers to the period May to August when the sun barely sets. Then there is lively activity throughout the city during the day and at night. During the summer it is a great spectacle when the city’s beautifully decorated and illuminated bridges open to boat traffic. This occurs at night, between 1.45 am and 5.45 am. Times vary from bridge to bridge, and anyone who wants to can see it all from a boat trip in the canal.

Moeda: rublo ($1 = 70 rublos)

Melhor Albergue Barato: Albergue Polosaty – 347 rubles/night

Transporte: 70 rublos

Comida: 1236 rublos

Bebidas/entretenimento: 600 rublos

Atrações: 400 rublos

Despesas mínimas do dia: 2.650 rublos ($42)

18. Santorini, Grécia

santorini - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Santorini

Santorini é uma ilha vulcânica varrida pelo vento nas Cíclades. Pôr do sol mágico em Oia, igrejas fotogênicas de cúpula azul e uma infinidade de praias coloridas atraem milhares de visitantes todos os anos, tornando este um dos destinos mais populares da Grécia e uma das cidades europeias mais baratas para se visitar. Sim, você pode viver barato lá.

On the volcanic island of Santorini, which took shape after a gigantic volcanic eruption several thousand years ago, steep cliffs descend into the sea, creating a dramatic atmosphere. At the same time, the white idyllic small villages, scattered throughout the island, create a mood of scenic beauty and authentic Greece. In addition to being popular with lovers, the island – which has been called the world’s most beautiful – is a popular destination for families with children, island drifters and young people who want a sun and beach holiday in beautiful surroundings.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: Albergue da Juventude Anna – 8 euros/night

Transporte: 3,2 euros

Comida: 15,6 euros

Bebidas/entretenimento: 10,5 euros

Atrações: 3 euros

Despesas mínimas do dia: 40 euros ($43)

19. Ljubljana, Eslovênia

liubliana - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Liubliana

Esta cidade é colorida, animada, compacta e muito fotogênica, e há mais dragões aqui do que museus. Este é o tipo de cidade onde é simplesmente divertido passear e explorar sem uma longa lista de atrações para visitar e é uma das cidades europeias mais baratas para visitar.

A short walk from the heart of Ljubljana lies Metelkova, a former military area under siege since 1993. It is not so dramatic. Still, a few years after Slovenia’s independence from Yugoslavia, Metelkova was occupied by a cultural network and to this day the area serves as something of a sanctuary in the Slovenian capital.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: Aladin Hostel – 12 euros/night

Transporte: 2,4 euros

Comida: 16,2 euros

Bebidas/entretenimento: 6 euros

Atrações: 5 euros

Despesas mínimas do dia: 41 euros ($44)

20. Tallinn, Estônia

tallin - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Tallinn

Tallinn is now a proud European capital with an allure all of its own and is one of the cheapest European cities to visit. It’s lively yet peaceful, absurdly photogenic and bursting with beautiful sights – ancient churches, medieval streetscapes and noble merchants’ houses. Throw in delightful food and vibrant modern culture and it’s no wonder Tallinn seems in danger of being loved to death, especially after a few cruise ships dock. But it’s one of those sacred places that seems to cope with all the attention.

Tallinn is full of hip taverns as well as stunning historic buildings. In the district of Kalamaja to the old town. In our travel guide to Tallinn you will find the best tips for the hotels, spas, restaurants, bars, clubs, shopping and attractions the city offers. This city guide to Estonia’s capital is indispensable for those who want to find the best shops, bars and restaurants that are up to scratch. Here you will find the perfect mix of old and new: beautiful architecture, cozy parks and trendy cafes.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: Old Town Alur Hostel – 11 euros/night

Transporte: 2 euros

Comida: 14,4 euros

Bebidas/entretenimento: 9 euros

Atrações: 6 euros

Despesas mínimas do dia: 42 euros ($45)

21. Tenerife, Espanha

tenerife - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Tenerife

Tenerife é a maior das sete ilhas Canárias e a mais visitada pelos turistas e é uma das cidades europeias mais baratas para visitar. Com suas deslumbrantes praias pretas e douradas, um vulcão ativo, sua diversidade ecológica única (plantas de todo o mundo podem viver e prosperar nas múltiplas zonas climáticas de Tenerife) e suas encantadoras cidades à beira do penhasco, não é surpresa que seja a ilha mais famosa de o grupo. Essas belas características, além da miríade de coisas que você pode fazer em Tenerife, tornam esta ilha um destino digno de um lugar em sua lista de desejos.

Tenerife pertence à Espanha, mas fica a apenas 200 milhas da costa da África. A ilha tem forma de ferro voltada para o nordeste, a capital Santa Cruz localiza-se próximo à ponta e os principais balneários turísticos no canto sudoeste.

Embora esta seja a maior das 13 Ilhas Canárias, não é maior do que uma Öland e meia. As ilhas vizinhas de Gran Canaria (a leste) e La Gomera (a oeste) estão tão próximas que podem ser vistas com tempo claro.

As estâncias balneares do sul de Tenerife são tão pequenas que pode ir a pé para onde quer que vá. Ao longo da praia há um calçadão onde você pode caminhar de Los Cristianos à Playa de las Américas e às cidades menores de San Eugenio, Fanabé e La Caleta. Há muitos táxis, mas pode ser difícil dar instruções, pois alguns resorts não têm endereços.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: Los Amigos Backpackers Hostel – 13 euros/night

Transporte: 2,7 euros

Comida: 14,4 euros

Bebidas/entretenimento: 7,5 euros

Atrações: 5 euros

Despesas mínimas do dia: 42 euros ($45)

22. Atenas, Grécia

Atenas - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Atenas

Athens is the historical capital of Europe, with a long history, dating from the first settlement in the Neolithic Age and is one of the cheapest European cities to visit. In the 5th Century BC (the “Golden Age of Pericles”) – the culmination of Athens’ long, fascinating history – the city’s values and civilization acquired a universal significance. Over the years, many conquerors occupied Athens and erected unique, splendid monuments – a rare historical palimpsest. In 1834, it became the capital of the modern Greek state and in two centuries since it has become an attractive modern metropolis with unrivaled charm.

Athens has over 3 million inhabitants and is a large city with many different areas and suburbs. It can sometimes be difficult to see where the boundaries are, but it’s something that just makes the city even more inviting. Syntagma Square is what is called the center of the new Athens. The square is close to the parliament building and from here you can easily get by bus or metro.

Monastiraki is one of the areas of Athens and there is also a square with a metro station. Here you often change if you go further down to the port of Piraeus. The area is full of traditional cafés, dilapidated 19th-century villas and last but not least Athens’s ancient market – agora.

Se você está procurando um bairro mais jovem e moderno, vá para Exarhia. É o distrito estudantil de Atenas e a atmosfera aqui é muito descontraída, intelectual e artística. Existem muitas livrarias e muitos cafés, tabernas e clubes.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: Albergue Zeus – 8 euros/night

Transporte: 2,8 euros

Comida: 19,2 euros

Bebidas/entretenimento: 7,5 euros

Atrações: 8 euros

Despesas mínimas do dia: 45 euros ($49)

23. Lisboa, Portugal

lisboa - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Lisboa

Lisboa é a deslumbrante capital de Portugal e uma das cidades mais carismáticas e vibrantes da Europa e uma das cidades europeias mais baratas para visitar. É uma cidade que combina sem esforço a herança tradicional com o modernismo impressionante e o pensamento progressivo. Como destino de férias, Lisboa oferece uma história rica e variada, uma vida noturna agitada e um clima glorioso durante todo o ano. Este guia fornecerá uma introdução a Lisboa, respondendo a algumas das perguntas típicas de férias e fornecendo links para informações mais detalhadas.

Lisbon is built on seven hills and is sometimes called “The City of Seven Hills” precisely because of this. Portugal’s capital breathes romance and ancient times and has long been popular with writers and artists. Climb one of the iconic old trams and explore one of the cheapest European cities.

There is much to be found in Lisbon. Start by taking tram number 28 up to the old fortress of Castelo de Sao Jorge where you have lovely views. You can walk in the narrow alleys in the nearby medieval Alfama district. In contrast to the old architecture, those interested can visit the area where the World’s Fair lasted until 1998. The area by the river is known as Parque das Nações and in addition to incredible architecture, there are also shopping and entertainment. Take the opportunity to visit the historic center of Portugal’s Belém district, including Torre de Belém and the World Heritage-listed Monastery of Mosteiro dos Jerónimos.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: Urban Garden Hostel – 10.5 euros/night

Transporte: 2,8 euros

Comida: 16,8 euros

Bebidas/entretenimento: 9 euros

Atrações: 8 euros

Despesas mínimas do dia: 47 euros ($50)

24. Moscou, Rússia

moscou - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Moscou

Moscow is Russia’s capital, located in the far western part of the country. Since it was first mentioned in the chronicles of 1147, Moscow has played a vital role in Russian history and is one of the cheapest European cities to visit. It became the capital of Muscovy (the Grand Principality of Moscow) in the late 13th century; hence, the people of Moscow are known as Muscovites. Today Moscow is not only the political center of Russia but also the country’s most populous city and its industrial, cultural, scientific, and educational capital. For more than 600 years Moscow also has been the spiritual center of the Russian Orthodox Church.

What to do in such a contrasty and complex city as Moscow depends understand dive on how long you have at your disposal. A few must-haves along the way: Red Square, the Kremlin and all the enclaves of historic buildings. Eat a picnic in Gorky Park, or in winter go ice skating. Stroll around the Izmajlovi kitsch market, Moscow’s largest open-air market. Eat pierogi from a stall on the street and visit trendy nightclubs. Go to art museums and galleries, sit in a café and read the Moscow Times, swim in a Russian sauna at the Sandunovsky Bath, walk in the Bolshoi Theatre and cook unforgettable at Café Pushkin.

Moeda: rublo ($1 = 70 rublos)

Melhor Albergue Barato: Albergue Moscou – 446 rubles/night

Transporte: 100 rublos

Comida: 1416 rublos

Bebidas/entretenimento: 900 rublos

Atrações: 400 rublos

Despesas mínimas por dia: 3.300 rublos ($51)

25. Nápoles, Itália

nápoles - cidades europeias mais baratas

Veja mais 25 fotos e hotéis em Nápoles

Nápoles é uma vasta cidade localizada na costa oeste da Itália, de frente para o Mar Tirreno. Esta metrópole colossal é a terceira maior cidade da Itália, atrás de Roma e Milão, com uma população de 975.000 habitantes e uma população metropolitana de mais de 3,1 milhões. Nápoles e a região circundante são habitadas desde o período neolítico e têm visto alguma forma de atividade humana contínua desde os tempos da Grécia antiga até o Império Romano e além, e é uma das cidades europeias mais baratas para se visitar.

Naples turns into a natural state, like a big lung that breathes. Out on the street, there is a jumble of people, scooters, and children playing football in narrow alleys while the laundry hangs between the buildings and blows in the wind. The run-down facades hide wonderful treasures on the inside. But to us outsiders, everything seems at first to be colorful chaos that feels difficult to decipher. If you’ve read Elena Ferrante’s books, it feels very familiar. Colors. The laughter. Faces. Otherwise, it will take some days to adapt to Naples energy.

Moeda: euro

Melhor Albergue Barato: La Controra Hostel Nápoles – 17 euros/night

Transporte: 2,6 euros

Comida: 15,6 euros

Bebidas/entretenimento: 6 euros

Atrações: 9 euros

Despesas mínimas por dia: 50 euros ($52)

Conclusão

Visiting Europe doesn’t have to be expensive! Plenty of budget-friendly cities offer great value for money and memorable experiences. From vibrant cities with buzzing nightlife like Prague or Madrid, to beach towns with stunning seaside views such as Zlatni Rat or Palanga Beach, there is something for everyone in this list of top 25 cheapest European cities to visit. Whether you’re a student looking for a once-in-a-lifetime experience or a traveler seeking an affordable getaway – these destinations will not disappoint. And the best part is, all these places are accessible even on tight budgets.

Quais são as cidades europeias mais baratas para visitar?

Entre as cidades europeias mais baratas para se visitar estão Cracóvia, na Polônia; Sofia, Bulgária; Riga, Letônia; Praga, República Tcheca; Liubliana, Eslovênia; Budapeste, Hungria; Belgrado, Sérvia; Atenas e Thessaloniki, Grécia; Valência e Granada na Espanha.

Qual é a melhor época do ano para visitar cidades europeias baratas?

A primavera e o outono são geralmente consideradas as melhores épocas para visitar cidades europeias acessíveis, pois as temperaturas tendem a ser mais amenas e há menos multidões de turistas do que durante o verão.

Qual cidade europeia barata é melhor para passear?

Prague is one of Europe’s cheapest yet most beautiful big cities with iconic sights, including Charles Bridge and Prague Castle. It’s an excellent destination for budget-minded sightseers and those looking for something more luxurious.

Ainda consigo encontrar hotéis baratos em cidades europeias?

Sim! Muitos lugares acessíveis na Europa oferecem camas confortáveis e comodidades decentes a preços razoáveis. Albergues ou pequenas acomodações independentes geralmente oferecem melhor valor para viajantes com orçamento limitado.

Existem praias perto de cidades europeias baratas?

Sim! O norte e o leste da Europa têm muitas praias deslumbrantes, desde pequenas enseadas isoladas a resorts maiores com edifícios de concreto ou até mesmo vilas disponíveis para alugar à beira-mar. Destinos de praia populares incluem a praia de Zlatni Rat, na Croácia, ou a praia de Palanga, na Lituânia.

Onde posso conseguir uma refeição autêntica em uma cidade europeia barata?

Many cheap towns across Europe have gastronomic delights that will suit all tastes – from local favorites such as kebabs or borscht (beetroot soup) found on street stalls to traditional meals served in family-run restaurants which offer great quality at an affordable price tag.

What is there to do during the evenings if I'm visiting a cheap European city?

A vida noturna varia em diferentes países, mas você sempre pode encontrar bares ou clubes animados, não importa onde você decida ir! Cinemas boutique com exibições especiais de filmes, apresentações teatrais ou festivais realizados ao longo do ano também podem proporcionar noites memoráveis sem gastar muito.

Existem descontos disponíveis ao visitar uma cidade europeia barata?

Absolutely! Most tourist attractions offer discounts for students or people under 18 or over 65 years old so it’s worth checking out their websites before your trip begins to plan your days accordingly and save some money while doing so!

O transporte público é fácil de usar/acessar quando se viaja por uma cidade europeia barata?

Public transportation systems in many major European cities have been well established over decades so navigating around them shouldn’t be too hard – especially if you opt for buying tickets online before leaving home! Interconnecting trains, metros & buses make getting around reasonably easy and cost-effective (often cheaper than taking a taxi!)

Quanto custa em média por dia visitar uma cidade europeia barata?

This largely depends on your lifestyle & needs however it’s safe to say that daily expenses while staying at moderately priced accommodation & eating 3 square meals can typically range between 20€ – 50€ per day ( excluding transport costs).

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

pt_PTPortuguês